Páginas

Olá! Sejam muito bem vindos! Navegue a vontade, sinta-se em casa. É um imenso prazer compartilhar preciosidades com vocês... Sei que em cada lugar que passamos levamos um pouco de algo e deixamos um pouco de nós, então podem deixar um pouco de vocês aqui...comentem!!

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Salvador…mais um pouquinho!

Quero mostrar para quem ainda não conhece mais um pouquinho de Salvador…como o último local que mostrei foi na Cidade Baixa, vamos continuar por lá…Dessa vez trago a Igreja do Senhor do Bonfim, mesmo quem ainda não conhece, já ouviu falar…

Nordeste do Brasil, Dezembro de 2009.<br /><br />Northeast of Brazil, December 2009.<br />

A igreja do Senhor do Bonfim não é a mais bonita, mas com certeza, é a mais famosa de Salvador em função da tradicional “Lavagem do Bonfim”, comemoração marcada pelas baianas jogando água nos degraus do templo em uma festa que dura o dia inteiro, animada por blocos de afoxé. Concluída em 1772, a igreja tem fachada em estilo rococó coberta de azulejos portugueses do século 19.

A decoração do interior é neoclássica, destacando-se a pintura do forro da nave feita por Antônio Joaquim Franco Velasco; e os painéis da sacristia e dos corredores laterais de autoria de José Teófilo de Jesus. No altar-mor, impressiona a imagem de Cristo trazida de Portugal em meados do século 18.

5988154223_068954dd50_z
Igreja vista  a noite

A origem da fitinha do Senhor do Bonfim remete a uma tradição de mais de 200 anos. De acordo com a história, um tesoureiro da irmandade do Senhor do Bonfim tinha o hábito de usar uma fita que, originalmente, tinha a medida do comprimento do braço direito da imagem do Senhor do Bonfim. Na tradição popular, a fita do Senhor do Bonfim é enrolada no punho e fixada com três nós. A cada nó precede um pedido, realizado mentalmente, e que deve ser mantido em segredo até a fita se romper por desgaste natural.

Saindo da igreja do Bonfim, um outro local imperdível é a sorveteria da Ribeira, como é próximo vale MUITO a pena conhecer…aliás não só conhecer  mas provar os diversos sabores…Fundada em 1931, mantém a tradição da fabricação artesanal até hoje..

O meu sabor preferido é o de coco verde, mas tem o coco queimado, sapoti, tapioca, que também sou apaixonada, banana, algodão doce e muitos outros que nos faz ficar completamente perdidos! Acho legal ir no fim da tarde!!

Perto da sorveteria tem o mar da Ribeira…

Imagens: Internet

Até a próxima parada!!

13 comentários:

  1. Amo muiito!

    Frequento, recomendo as missas das primeira e última sexta de cada mês, a da primeira e a da última sexta do ano então são muiiito emocionantes, revitalizantes, energizantes, lotaaaadas...rsrs..recomendo a água benta, as fitinhas com o vendendor n. 08 (meu brother), a festa da lavagem, a entrada da imagem na hora da missa, o hino, q vou confessar me lembra ACM e que é um dos hinos da Bahia.

    Segue pra vc, para nós, para tds com bençãos e axé

    Glória a ti neste dia de glória
    glória a ti redentor que há cem anos
    nossos pais conduziste à vitória
    pelos mares e campos baianos

    desta sagrada colina
    mansão da misericórdia
    dai-nos a graça divina
    da justiça e da concórdia

    glória a ti nessa altura sagrada
    és o eterno farol, és o guia
    és, senhor, sentinela avançada
    és a guardo imortal da bahia.

    dessa sagrada colina
    mansão da misericórdia
    dai-nos a graça divina
    da justiça e da concórdia

    aos teus pés que nos deste o direito
    aos teus pés que nos deste a verdade
    trata e exulta num férvido preito
    a alma em festa da nossa cidade

    desta sagrada colina
    mansão da misericórdia
    dai-nos a graça divina
    da justiça e da concórdia

    (Caetano Veloso)

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, amiga querida!
    Que tal um encontro em Salavador, heim?!
    AMEI as fotos.
    Grande beijo no seu coração

    ResponderExcluir
  3. Oi Tina, valeu pelo hino...também gosto muito.
    Clauo, será um enorme prazer te encontrar aqui em Salvador!
    Quando vier me avisa!
    Bj meninas!!

    ResponderExcluir
  4. Quanta coisa linda! E o niver, tá quaaaaaaase!!!beijos,chica

    ResponderExcluir
  5. Olá querida,
    Já fui várias vezes a Salvador. Adoro!
    Gostei de ver a riqueza do interior da Igreja do Senhor do Bonfim.
    Não conheço a sorveteria da Ribeira. Voltando a Salvador não perderei a oportunidade de visitá-la e de saborear alguns de seus sorvetes.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Vim deixar um beijo de Parabéns e dizer que deixei um carinho aqui:

    http://poetrixica.blogspot.com/2011/09/para-debora.html


    beijos,chica

    ResponderExcluir
  7. Tina!
    Será um prazer enorme te conhecer...afinal moramos na mesma cidade...kkkk
    Bjão

    ResponderExcluir
  8. Adorei conhecer um pouco da tua cidade! É linda e tenho planos de um dia ir pessoalmente! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Nossa adorei esse post!!!! Super bem feito!!!!
    As imagens estão maravilhosas e conhecimento nunca é demais!!! Tks!!!!
    Saudades de Salvador!!!!!

    Bjokas, Taís

    Glamour e Glacê

    http://www.glamoureglace.com

    ResponderExcluir
  10. Débora querida!!!

    Cada vez que venho por aqui e vejo as maravilhas de Salvador me da mais vontade de conhecer essa linda cidade...

    Estou um pouco sumidinha mas em breve estarei de volta...

    Bjss e uma maravilhosa quinta!

    http://toutlamour.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Boa noite, querida amiga.

    Lindas fotos.
    Sem conhecer, eu adoro essa igreja, porque meu pai falava muito nela. Ele era de Vitória da Conquista- Bahia.

    Eu sempre achei muito emocionante, esse ritual da lavagem do Bonfim.

    Obrigada pela bela postagem, e pela honra da sua visita gentil.

    Que Deus ilumine os seus caminhos.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Que lugar encantador!!
    Fabiola.
    http://blogencontrandoideias.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu precioso comentário, vou amar ler. Volte sempre que quiser!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...